Escolha uma Página

Microempreendedor – Oportunidades para mulheres

Microempreendedor (a) Com a crise em alta e as taxas de desemprego galopantes, muitas mulheres, e entre estas muitas mães de família, vê nesta crise uma oportunidade de empreender e garantir o sustento da família e suprimento de suas necessidades pessoais. Em muitos posts aqui no blog você pôde conhecer diversas dicas de economia, e hoje vamos falar de empreendedorismo – um termo cada vez mais vulgarizado e nem sempre bem compreendido. Veja ainda algumas dicas para ser uma microempreendedora e colocar em prática seus sonhos.


 microempreendedor de sucesso

Um microempreendedor é uma pessoa que busca colocar seus projetos em prática, buscando soluções inovadoras e oferecendo soluções diferenciadas para algum assunto específico. A microempreendedora é uma mulher que começa a empreender através de um micro negócio.

Microempreendedor - Oportunidades para mulheres

É preciso compreender que ser empresário não significa categoricamente ser um empreendedor – afinal, há muitos administradores que não saem do lugar com suas empresas e passam até décadas fazendo sempre o mesmo, através de uma postura bem tradicional.

Outra coisa importante em esclarecer é que uma pessoa precisa ser empreendedora na sua própria vida pessoal para depois o ser no mundo dos negócios. Ser empreendedor na vida é buscar oportunidades e saídas para as suas demandas e metas, ter uma atitude assertiva e positiva, fazer acontecer, fazer diferente, ter visão do todo, correr riscos calculados, entre outras competências e habilidades. Veja que estas exigências, ou seja, este perfil se aplica também àqueles que querem começar um negócio próprio.

Ninguém nasce empreendedor – a gente se torna e todo mundo pode aprender a empreender, desde que tenha as atitudes certas para isso. Empreender, como mostra a definição do dicionário, significa decidir realizar. O foco deve ser sempre a realização de um objetivo. Empreender, desta forma, é ter autonomia para usar suas melhores competências e recursos para criar algo diferente e com valor. E para isso, é preciso ter comprometimento, dedicação, tempo e esforço necessários, assumindo os riscos financeiros, físicos e sociais.

Por que ser uma microempreendedora?

Como no mundo em geral o salário das mulheres chega a ser 28% menor que o dos homens – e no Brasil a diferença chega a ser 80% menor na mesma função dependendo da região – o empreendedorismo passou a chamar a atenção das trabalhadoras e passou ainda ser uma das únicas opções sustentáveis para muitas mulheres.

Microempreendedor - Oportunidades para mulheres

Em uma pesquisa realizada em 2015 pelo Serasa Experian, apontou 5.693.694 mulheres empreendedoras, ou seja, já é 8% da população feminina do país. Outro dado mostra que as mulheres estão comandando: 43% dos donos negócios são do sexo feminino, enquanto 57%, do masculino, mas há um aumento gradativo muito grande, ainda mais com a criação do modelo MEI – Microempreendedor Individual, onde a pessoa pode abrir uma empresa com baixos custos e sair do anonimato de forma simplificada. A maioria das empreendedoras são donas de pequenos negócios, sendo 37,1%, e 1,3 milhão de mulheres brasileiras são MEI enquanto 1,7% são sócias de médias empresas e apenas 0,2% de grandes.

Quais as competências necessárias para empreender?

Se você se impressionou pelos números acima, saiba que algumas características são necessárias para ter resultados positivos e sucesso ao empreender. É preciso descobrir em qual segmento quer atual com uma pesquisa ostensiva. Busque um segmento que tenha interesse pessoal. Depois é preciso planejar – milhares de pessoas fracassam no Brasil e milhares de empresas fecham em dois anos, pois deixam de lado um ponto essencial: o planejamento! Aqui tem um exemplo de plano ne negócios, que é um documento que estrutura todo o seu empreendimento.

Entre algumas das competências necessárias para ser uma microempreendedora estão:

  • Assumir riscos calculados.
  • Autonomia – capacidade de tomar decisões assertivas.
  • Profissionalismo – Saber não misturar a vida profissional com a pessoal.
  • Dedicação e persistência – Ter sucesso pode levar tempo e irá testar a sua paciência de diversos modos.
  • Diferenciação e inovação – É preciso ser diferente, se destacar no mercado – e ninguém de destaca com uma ideia velha ou fazendo mais do mesmo. Fazer diferente com foco no mercado e não apenas fazer algo que você nunca tenha feito em sua vida.
  • Sustentabilidade – É preciso que o negócio seja sustentável, ou seja, que consiga suprir as suas próprias demandas e ainda dar lucro.
  • Escalonabilidade – É preciso que a sua ideia tenha condições de crescer.
  • Capacidade de criar metas e seguir um plano de ação com assertividade.
  • Adaptabilidade – O mercado se modifica com grande velocidade e é preciso saber se adaptar.

Como montar uma MEI – Microempreendedor Individual?

O primeiro passo é buscar o Sebrae da sua cidade. Esta entidade é quem apoia o microempreendedor individual em todo o país. Você pode ainda acessar o site do Sebrae e conferir dicas, tutoriais e cursos gratuitos para microempreendedoras on-line. Neste link, do Portal do Empreendedor do Governo Federal, você saberá como criar uma MEI passo a passo e pode ainda fazer algumas destas ações na própria página. Não é preciso ter contador.

Imagens: Pinterest

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe agora!

Se gostou compartilhe com seus amigos e familiares!