Escolha uma Página

Como superar as crises – 6 dicas infalíveis

Como superar as crises? Elas são como ondas na vida das pessoas – elas sempre irão existir e nos surpreender quando menos esperamos. Há ainda as eventuais crises econômicas e sociais que frequentemente os países enfrentam e sabemos que este não está sendo um ano muito favorável para o país.

As crises, sendo elas pessoais ou que envolvem toda uma sociedade, devem ser encaradas como um momento de aprendizagem e aperfeiçoamento pessoal, por mais que sejam momentos de provação. Veja agora seis dicas que ensinam como superar as crises e tenha mais equilíbrio em sua vida.

Viva o agora

Grande parte das pessoas se frustram e sucumbem às situações ruins, pois foram acostumadas a viver da seguinte forma: com o foco demasiado no futuro (preocupando-se excessivamente com o futuro) ou atreladas ao passado (que não muda e não existe mais). Em ambas as situações você perde, pois não há como ter controle do que não existe ainda e não podemos mudar o que já passou. Em tempos de crise, vêm à tona os problemas pelos quais já passamos e uma insegurança forte em relação ao que ainda virá nas nossas vidas. Isso é normal.

Como superar as crises

É comum as mulheres sofrerem com o passado e com o futuro, não reconhecendo que é no presente que as coisas se transformam e onde reside todo o seu poder de transformação. É legal fazer planos e ter metas e aprender com as experiências passadas, mas se comprometa com afinco com aquilo que você está construindo no agora.

Tudo é impermanente

Os problemas existem e devem ser resolvidos. O que cabe a você, comprometa-se em resolver da melhor forma possível. Lembre-se que, em relação ao que não depende de você e por mais ruim que as coisas estejam, tudo é impermanente, tudo passa, tudo se transforma – é a única certeza que temos nessa vida. Então, acalme-se e mantenha a consciência das coisas, que dias melhores virão.

Para saber como superar as crises, faça o que gosta

Diante dos momentos mais conturbados, uma maneira de manter os pés no chão é se sentir bem. Se você se sente bem mesmo diante do caos, você pode qualquer coisa. Se sentir bem tem a ver com fazer aquilo que gosta. Nos momentos de crise, muitas vezes somos obrigadas a ceder, buscar atividades que nem sempre são as mais legais. Temos que dedicar um tempo a mais ao trabalho, às situações limitadoras e às coisas que precisam ser feitas. Mas mantenha na sua vida algo que goste muito de fazer, pois além de motivadora, esta atitude trará um pouco da paz e do equilíbrio de que precisa para resolver o resto.

Como superar as crises

Supere as suas crenças limitadoras

Todos nós crescemos com valores e crenças passadas pelos nossos pais, educadores ou sociedade de forma geral. Conforme crescemos, muitas destas crenças são postas em xeque e não condizem mais com o mundo atual ou nada têm a ver com o que você se tornou hoje. Logo, é preciso buscar a sua própria verdade para as coisas. A isso damos o nome de maturidade, em que você se reconhece como um ser único, se aceita como é e passa a ver e a acreditar nas coisas de um modo próprio. Reveja as suas crenças: se elas não ajudam a você se desenvolver, ser uma pessoa melhor e a superar as crises ou se não levam você a lugar nenhum, é hora de buscar novos filtros e parâmetros para a sua vida. Você só percebe como superar as crises quando muda a sua visão do mundo.

Como superar as crises

Busque ajuda

É difícil enfrentar crises sem ajuda. Não se trata de depender dos outros para fazer as coisas que apenas lhe dizem respeito, mas de não se sentir sozinha em suas convicções e nos momentos ruins. Ter uma rede de apoio – com amigos verdadeiros, parceiro, família, etc., é muito importante. Em alguns casos, essa ajuda não existe ou há a necessidade de um apoio especializado. Por exemplo, se o problema é financeiro, a ajuda pode vir de alguém que conheça a fundo sobre finanças e pode lhe ajudar. Se a dificuldade é emocional, um terapeuta pode lhe ajudar a ver como superar as crises.

Não procrastine

O pior comportamento em uma crise é “deixar para depois”. Se não encarar as situações no momento certo, pode ser tarde demais. Encare de frente o que há para encarar e resolva o que é de sua competência. Livre-se das pendências o quanto antes.

E você: o que faz para superar as suas crises pessoais e como lida com a situação econômica do país?

Pin It on Pinterest

Share This

Compartilhe agora!

Se gostou compartilhe com seus amigos e familiares!